[Artigo] YESLY - Controle de voz, Ativação de comando e Comunicação na nuvem

Descubra tudo o que o Sistema YESLY é capaz de fazer!

Nos últimos anos, os conceitos de Internet das Coisas (Internet of Things – IoT) e Casa Inteligente (smart home) abriram espaço para ocupar um pedaço substancial, e não desprezível, do mercado de engenharia civil.

A resposta a esse processo que, segundo estatísticas está aumentando constantemente, deve ser encontrada nas necessidades dos usuários finais; cada vez mais ocupados e conectados, em busca de conforto e segurança.

Conforto e segurança se tornaram os principais motivadores das compras relacionadas à automação residencial (home automation).

A maioria dos produtos projetados para smart home, utilizam conexão com a internet, permitindo transformar uma residência em uma casa inteligente, onde seja possível programar e ativar comandos em sistemas e dispositivos remotamente, através de smartphones ou assistentes de voz. 

Mas, será que é necessário ter uma conexão com a internet?

Descubra a seguir a solução Finder que quebra esse paradigma, permitindo a instalação fácil e rápida de um sistema inteligente sem o uso obrigatório da internet!

O uso de assistentes de voz mudou a nossa relação com a conexão, onde agora é possível realizar não somente a conexão entre pontos de acesso, mas também com os próprios objetos! 

O que são e como funcionam os alto-falantes inteligentes (smart speakers) 

Os assistentes de voz são operadores sintéticos baseados em inteligência artificial, por meio de uma interface que, graças ao uso de algoritmos de machine learning e deep learning, reconhecem, aprendem e processam nossa linguagem natural.

A implementação da funcionalidade de assistentes de voz criados por terceiros (empresas) permite utilizar os speakers para controlar, por meio da voz, operações e ações a serem executadas em programas e produtos de terceiros (por exemplo: "Alexa, acenda as luzes!").

Por meio das skills/action (habilidades/ações), os assistentes de voz são, portanto, capazes de gerenciar um serviço de voz complexo, mas veloz, baseado na nuvem (cloud).

Na prática, a ativação de um comando de voz em um dispositivo ou produto não depende diretamente das empresas dos smart speaker, mas de um trabalho de implementação realizado pelo fabricante do produto. A implementação dessas funções é um processo de responsabilidade cruzada.

A liberação das habilidades/ações (skills/action) ocorre por meio de duas etapas principais:

  • Implementação, pelo fabricante, das skills/action de acordo com as diretrizes de big house dos assistentes de voz;
  • Aprovação das interfaces pelos fabricantes dos smart speaker. 

A Solução Finder YESLY

A integração de assistentes de voz com os produtos Finder para smart home transforma a experiência do usuário em uma experiência integrada e ainda mais simples.

Presente no mercado de produtos dedicados à automação residencial (smart home), a Finder continua em busca de novas soluções, a fim de garantir uma maior diversidade de produtos, sempre com a mesma qualidade e confiabilidade.

A equipe de pesquisa e desenvolvimento da Finder estudou e  estruturou um sistema de comunicação rápido e seguro; capaz de garantir um uso simples e intuitivo do sistema YESLY, controlável remotamente, tanto por meio do aplicativo como por meio de assistentes de voz.

A comunicação entre o sistema YESLY e os assistentes de voz 

Em nível técnico, a implementação da compatibilidade com assistentes de voz foi projetada para manter um nível ótimo de segurança, preservando desde a segurança dos dispositivos do sistema até os dados pessoais do usuário.

O processo de comunicação entre o sistema para o Finder Yesly e o dispositivo de assistente de voz ocorre primeiro no nível da rede e depois via comunicação Bluetooth.

As etapas deste processo são divididas da seguinte forma:

  1. A ativação do comando, realizada por comando de voz, chega pela rede à nuvem do assistente de voz; 
  2. Ocorre o processamento da solicitação na nuvem do smart speaker através da skill/action correspondente;
  3. É realizado o envio da solicitação detectada para a nuvem (Cloud) da Finder que, por meio do protocolo MQTT, chega ao Gateway;
  4. O Gateway, no sistema Yesly, representa o divisor de águas da comunicação. Nesse ponto, o comando é realizado por Bluetooth, um padrão internacional para transmissão de dados, e somente depois é realizada a comunicação com os vários dispositivos do sistema e assim,  implementado. 

Para garantir a máxima segurança dos dados pessoais e das informações transmitidas, todas as transações realizadas pelo Finder YESLY são protegidas por protocolos de comunicação de 128 bits entre os componentes YESLY e com o TLS 1.2 entre o Gateway e a nuvem.

Descubra todas as possibilidades do sistema YESLY